Casacos e jaquetas masculinas. Conheça todos os estilos.

Sempre quando chega a época de frio rola a dúvida de qual casaco ou jaqueta comprar. São vários os estilos e tipos, mas por mais que sejam tantos, eles nunca ficarão ultrapassados se forem usados com estilo. Nós homens somos privilegiados nessas horas, pois apesar dos modismos que vão e vem, os tradicionais casacos e jaquetas masculina sempre estarão ai.

Toda jaqueta é um casaco, mas nem todo casaco é uma jaqueta. Segundo o próprio Wikipédia, jaqueta é um casaco mais curto e um casaco é uma peça de roupa inspirado na camisa, de tecido mais grosso para proteger do frio. Portanto moletons e malhas fechadas, sem divisória, não são considerados casacos.

Para entender melhor e fazer bonito na próxima compra, separei algumas imagens dos tipos de casacos masculinos já com looks para se inspirar.

Jaqueta Bomber (Bomber Jacket)

Sua história é antiga. Inspirada nas jaquetas de couro dos pilotos de avião do exército americano que logo foram ganhando novos tecidos para amenizar ainda mais o frio. Se popularizou em meados dos anos 70 com diversos outros tecidos no qual conhecemos até hoje.

Sua principal característica são os punhos, cós e golas com tecidos diferentes do resto da jaqueta. Geralmente de lã ou um tecido mais grosso. Não possui gola ou lapela avantajada.

 

Cardigan ou Cardigã

Peça criada na Inglaterra em meados do século XIX, feita de lã e com botões na frente para fechar. Inspirada nos pullovers, porém é considerado um casaco.

Hoje existem cardigans de diversos tipos de lãs ou malhas mais finas.

Casaco Chesterfield, o tradicional sobretudo (Chesterfield Coat)

O mais formal de todos os casacos, criado em meados de 1800 na cidade de Chesterfield na Inglaterra. Era bastante utilizado pelos aristocratas da época. Conheça mais da sua história aqui, em inglês.

No Brasil é conhecido simplesmente como sobretudo, e lembra muito um blazer com um maior comprimento. Continua sendo uma peça elegante até nos looks menos formais.

Casaco Duffle (Duffle Coat)

Originário da cidade de Duffel, na Bélgica, também foi criado durante as guerras em meados de 1820. O tecido original era a lona, mas hoje é possível encontrar o casaco Duffle também em lã, algodão, sarja e muitos outros.

No final do século XIX, os Ingleses passaram a usar, e o casaco se popularizou na Inglaterra após a segunda guerra mundial. O capuz também passou a ser incorporado no vestuário e uma característica marcante são os fechos, geralmente em madeira que passa por um laço na outra extremidade. Mais sobre a história.

Jaqueta de Couro – Jaqueta Biker (Leather Jacket – Biker Jacket)

Ganhou popularidade no período pós guerra e foi sinônimo de rebeldia dos baby boomers, mas elas vem sendo reformuladas desde o início do século XX. A marca Harley Davidson é uma grande influenciadora deste tipo de jaqueta, pois era comum nas corridas de moto os participantes usarem as jaquetas de couro. Até hoje é comum motoqueiros, motociclistas e roqueiros usarem.

Existem diversos modelos, portanto prometo um post mais pra frente falando apenas das jaquetas de couro.

Jaqueta Perfecto (Perfecto Jacket)

Criada em 1928 pela marca Schott NYC, ela foi desenvolvida exclusivamente para motoqueiros. Muitos a conhecem como jaqueta biker também. A diferença entre ela e a biker tradicional, apesar de ambas serem de couro, é a lapela com a tradicional sobra quando aberta.

Seu sucesso veio a partir dos anos 50, onde rebeldes do cinema como Marlon Brando e James Dean passaram a usar em filmes. Até hoje a jaqueta é sinônimo de rebeldia e rock’n roll. Os Ramones também mantiveram a Perfecto viva dos anos 70 até 90 e hoje em dia elas passaram a ser peça coringa, pois tem estilo e até elegância.

Jaqueta Jeans (Denin Jacket)

Assim como as jaquetas de couro, as jaquetas jeans também foram as queridinhas do século XX e tem uma forte ligação com o show business. Elas são mais novas e ficaram populares a partir da década de 50 também com James Dean e Steve McQueen.

Veja looks com jaqueta jeans para se inspirar.

Jaqueta Jeans masculina e roupas coloridas
Se você for um expert em cores e souber combinar muito bem, pode ousar. O jeans quebra um pouco aquela coisa forte e deixa o visual perfeito.

Jaqueta de esqui ou Jaqueta Puffer (Padded Jacket – Puffer Jacket)

Criada na década de 30 por Eddie Bauer, este tipo de jaqueta vem com um isolamento por baixo do tecido para aquecer ainda mais no frio. Existem com diversos tipos de forro interno para os mais intensos e variados frios. Ela é bem característica por causa destes preenchimentos.

 

Parka

A tradicional Parka foi criada pelos povos indígenas do ártico, mais precisamente Groenlândia, Canadá e Alasca para proteger do intenso frio da região.

Casaco comprido, com tecidos grossos e quentes, sua característica marcante é o capuz com pelos e em tons arenosos. Ganhou destaque após o exército americano começar a usar o vestuário nos anos 50, predominantemente na cor verde. Na Inglaterra, a peça se tornou popular em meados dos anos 60 e se tornou o mais famoso tipo de casaco no mundo.

Pea Coat

São diversas histórias, mas ninguém sabe ao fato de onde surgiu o Pea Coat, de acordo com o site Gentlemans Gazzete.

Pode ter sido na Holanda em meados de 1700, assim como na Inglaterra em 1800. Ambos os relatos, dizem que marinheiros eram os usuários deste casaco que além de quente é elegante e parecido com o trench coat.

Sua característica é o abotoamento duplo e lapela larga. As cores comuns são o preto e o azul escuro.

 

Trench Coat

O trench coat é um casaco que pode também ser considerado uma capa feito originalmente com tecidos impermeáveis antes da primeira guerra mundial. Os primeiros relatos do casaco são de meados de 1850, porém foi com o uso do exército Britânico e Francês na primeira guerra que ele se popularizou.

Sua característica marcante é o cinto e as fivelas em torno do pulso, isso sem falar nas lapelas maiores,  similar ao pea coat, e o tipo de abotoamento com diversos botões. A ideia do trench coat era uma alternativa mais leve para os casacos. A cor original era caqui, porém hoje podemos ver diversas cores e até diferentes modelos de trench coat.

Jaqueta Colegial ou Jaqueta de Beisebol (Varsity Jacket – Letterman Jacket)

Vista pela primeira vez sendo usada pelo time de beisebol da faculdade de Harvard em 1865, ela tem uma ligação muito forte com escolas secundárias e faculdades. Usada ao longo dos anos para diferenciar tipos de jogadores e de instituições escolares de acordo com a letra e cor da jaqueta.

Ela geralmente tem mais de uma cor, assim como dois tecido, sendo originalmente de couro na manga.

Casaco de moletom

Um modelo bastante popular no Brasil é o moletom. Coloquei aqui como extra, por ser um casaco mais para práticas de esportes ou para momentos bastante informais. Hoje também podemos utilizar looks com moletom por baixo de outros casacos ou blazers, mas ele continua sendo uma peça com menos expressão.